sábado, 29 de agosto de 2009

Cruzeiro E.C., glória do futebol mineiro (03)

Camisas do Cruzeiro, ano a ano

Abaixo segue a evolução da camisa de um dos maiores clubes brasileiros de futebol, o Cruzeiro. Desde sua fundação, o clube já mudou de nome e cores, sendo bastante interessante observar esse desenvolvimento.

Fornecedores de Material Esportivo

Topper (1984-1985)
Adidas (1986-1989)
Finta (1990-1996)
Rhumell (1997-1998)
Topper (1998-2005)
Puma (2006-

Patrocinadores Master
Coca-Cola (1989-1994)
Energil C (1996-1999)
Fiat (2000-2003)
Siemens (2004-2005)
Xerox (2006-

Patrocinadores secundários
Gelmax e Telebingão Campeão (1998-1999)
Ceras Grand Prix (2000-2001)
Lousano (2001-2003)
Aethra (2007)-

1950 a 1956, Cruzeiro. Devido ao estado precário dos sistemas de iluminação dos estádios, o Cruzeiro lançou um uniforme para os jogos noturnos: camisa branca com gola, punhos e o escudo azul; calção azul e meias brancas. O uniforme durou 9 anos.
1942, Ypiranga. Camisa usada uma única vez, no jogo em que o Cruzeiro atuou com o nome de Ypiranga.
1940 a 1942. Neste período houve uma modificação radical no uniforme. A camisa passou a ter faixas horizontais verde e vermelha, gola e punhos brancos com o escudo ao centro. O calção branco e as meias vermelhas. Com este uniforme aconteceu a conquista do Campeonato da cidade de 1940, após 10 anos de jejum. O apelido também mudou de "periquito" para "tricolor".
1921, Palestra Itália.1921. O primeiro uniforme do time foi improvisado. Era camisa verde escura, calção branco e meias verdes. Foi com ele que o clube marcou a sua estréia no dia 3 de abril, no Estádio do Prado Mineiro, com uma vitória de 2 X 0 sobre o Combinado Villa Nova e Palmeiras, de Nova Lima.

Um comentário:

Brian disse...

Todas as camisas do cruzeiro são muito bonitas!!! Não acredidito que a deste ano seja tão bonita, pois terá o banco BMG e a ricardo eletro, ea rebook continuará fornecendo as camisas!!!